É contra a lei mudar as regras do Oscar para banir filmes da Netflix, diz justiça

É contra a lei mudar as regras do Oscar para banir filmes da Netflix, diz justiça
0
93 quinta, 4 de abril de 2019

É… não tem jeito! Os filmes produzidos pelos serviços de streaming irão continuar a concorrer à estatueta do Oscar, pelo menos é o que diz a Justiça.

 

De acordo com a revista Variety, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas recebeu uma carta do Departamento de Justiça alertando a instituição sobre as consequências de mudarem as regras para que filmes produzidos por e para serviços de streaming não concorram ao Oscar.

 

O documento alega que essa alteração pode infringir leis que garantem uma competição justa pela estatueta.

Makan Delrahim, chefe do Departamento de Justiça, escreveu diretamente para Dawn Hudson, CEO da Academia, e alega que a decisão de impedir a participação desses filmes pode “suprimir a competição”.
Esse aviso chega aproximadamente um mês após o diretor Steven Spielberg dar início a uma campanha “anti-streaming”, com o objetivo de evitar que tais produções sejam indicadas ao Oscar.